Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Pólo Zero abre portas em janeiro
13-11-2015

Quase a finalizar as obras, a abertura do Pólo Zero está marcada para janeiro. Esta estrutura, cedida pela autarquia e gerida pela Federação Académica do Porto (FAP), pretende ser um ponto de promoção do conhecimento e acolhimento de estudantes nacionais e internacionais.


Guilhermina Rego, vereadora responsável pelo pelouro da educação, juntou-se a Daniel Freitas, presidente da Federação Académica do Porto, para uma visita às instalações do Pólo Zero. As obras, que começaram em setembro deste ano, e que têm uma previsão de duração de dois meses, estão quase terminadas e a abertura deste local está prevista para janeiro de 2016.


Um espaço de estudo, de lazer e de conhecimento de pontos de interesse da cidade é o que Guilhermina Rego destaca da prestação de serviços que este local irá proporcionar. Daniel Freitas sugere, também, que o Pólo Zero possa ser utilizado para apresentações de livros, pequenos concertos acústicos, workshops e formações.


De relembrar que este espaço, localizado na Praça de Lisboa, junto ao Passeio dos Clérigos, foi cedido pela Câmara do Porto, e as obras que se estão a realizar na estrutura têm o apoio da autarquia através de uma verba na ordem dos 100 mil euros.


O Pólo Zero tem como objetivo ser um centro catalisador da participação estudantil, através da prestação de serviços aos estudantes da cidade do Porto e à comunidade em geral. A sua missão centra-se numa forte aposta nos domínios da promoção do empreendedorismo, da inovação e da cultura no meio académico.


Em julho deste ano, durante a celebração do protocolo relativo ao Pólo Zero entre a FAP e a Câmara do Porto, Guilhermina Rego, salientou que este será "um espaço de excelência" para a formação e para o apoio na receção a estudantes que vêm para o Porto pela primeira vez, salientado a forte aposta que o atual Executivo tem vindo a realizar para a atração de estudantes estrangeiros.


A FAP foi fundada em 1989 e congrega atualmente 27 associações de estudantes da Academia do Porto, apresentando-se como o organismo coordenador do movimento estudantil, através da criação dos meios necessários para a união das diversas instituições que constituem a Academia do Porto.


Notícias Relacionadas:

- Pólo Zero inaugura em janeiro;

- Avança Pólo Zero da FAP;