Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Pavilhão da Água fecha portas para obras e reabre em outubro de 2017
12-12-2016
O Pavilhão da Água fechou portas ao público no dia 26 de novembro de 2016 para obras de requalificação. O edifício será ampliado pelas mãos do arquiteto Alexandre Burmester e a área expositiva reformulada para novos e modernos conteúdos. A reabertura está prevista para o mês de outubro do próximo ano.

Quem por lá passa, não se apercebe dos trabalhos que decorrem no interior. A fase inicial compreende apenas a desmontagem de experiências, uma vez que a obra, propriamente dita, é o que se segue.

Ao longo deste tempo, a atividade do Pavilhão da Água não vai parar, uma equipa da educação ambiental vai deslocar-se às escolas e aos museus, com laboratórios hands-on e atividades na sala de aula, adianta Filipa Fernandes, coordenadora da educação ambiental da Águas do Porto.  

O renovado Pavilhão terá novos módulos interativos que serão enquadrados na realidade atual. As visitas passam a ser organizadas mediante as várias etapas, a ampliação do edifício permitirá aumentar a área expositiva, criar uma sala multiusos e um elevador, de forma a resolver questões de ordem funcional. A obra da Águas do Porto está orçada em aproximadamente 745 mil euros. 

Desde 2002, o Pavilhão da Água já recebeu mais de 450 mil visitantes, uma média de 30 mil por ano. A expetativa é de dobrar o número de visitas depois de reaberto ao público.

Veja a reportagem em vídeo