Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

"O Meu PORTO é Património Mundial" na visão de mais de 700 alunos
29-05-2017
Coloridos, criativos e ilustrativos, são assim os trabalhos de mais de 700 alunos que integraram o projeto "O Meu PORTO é Património Mundial", expostos no Museu do Vinho do Porto até dia 2 de julho.

A iniciativa, organizada pela Câmara do Porto, pretende "consciencializar os mais novos para a necessidade de salvaguarda e preservação de um bem único e universal que é o Centro Histórico do Porto inscrito na lista da UNESCO" explicou Sofia Alves, diretora do departamento municipal da Cultura.

No último ano letivo participaram no projeto 16 escolas, 21 professores e 29 turmas, o equivalente a 783 alunos, com atividades desenvolvidas em contexto de sala de aula, visitas ao Centro Histórico e espaços municipais. O programa educativo culmina com uma exposição representativa das suas aprendizagens.

Desde barcos rabelos, claraboias, azulejos a edifícios e figuras icónicas da cidade, são distintos os ângulos, as geometrias e perspetivas por que os mais pequenos descrevem o Porto nesta mostra.  

Branca Mesquita, docente da Escola Básica Augusto Gil, destacou a importância e polivalência deste projeto, pois "concilia conteúdos de várias disciplinas como Matemática ou Educação Visual e Tecnológica". A diretora da turma do 5º D revela ainda que as crianças "adoram este tipo de projetos, ficam muito entusiasmados e os pais também".

"O meu PORTO é Património mundial" já foi motivo de inspiração a outro Sítio do Património Mundial da UNESCO, o Alto Douro Vinhateiro, que já desenvolve uma atividade similar.

De salientar que projeto também já foi reconhecido pela UNESCO como uma boa prática no âmbito das dinâmicas educativas e formativas, integrando também uma publicação das boas práticas a nível nacional no âmbito da gestão de património.  

A exposição, patente no Museu do Vinho do Porto até 2 de julho, é de entrada livre.