Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

O Limpador de Ouvidos de Bernardo Carvalho abriu portas a viagem com o autor pelo mundo da escrita
20-09-2018
"O Limpador de Ouvidos" é o título do conto que o autor brasileiro Bernardo Carvalho escreveu durante uma residência literária promovida pela Feira do Porto. E foi oferecido ao público na sessão em que o escritor conversou com Francisco José Viegas sobre "Literatura e Cidadania". 

O evento, realizado anteontem à noite no Palácio de Cristal, funcionou como pretexto para uma viagem ao redor do mundo, já que Bernardo Carvalho começou por falar sobre a experiência desta residência literária no Porto, mas recordou também convites semelhantes que já aceitou noutros países, sendo que de todos tem memórias de curiosas aventuras e divertidas coincidências. Que - confirmou - "acontecem nos meus livros, mas também fora deles" na vida real.

Liberdade e Cidadania são, de resto, os ingredientes básicos das suas histórias, como fica patente no conto escrito no Porto, que gira em torno de um imigrante brasileiro que se envolve com um médium de um Centro Espírita Brasileiro de Campanhã.

Como não podia deixar de ser, "O Limpador de Ouvidos" teve também (pelo menos) uma coincidência: o conto foi escrito numa residência artística, no âmbito de uma parceria da Câmara do Porto com o coletivo "mala voadora"; o enredo inclui a aquisição de um edifício classificado da Baixa do Porto, onde "habita" um fantasma do Bangladesh; depois de o ter escrito, Bernardo Carvalho voltou a Brasil e foi lá que assistiu, na semana passada, a uma peça da "mala voadora" que fala de refugiados do... Bangladesh.

Isto mesmo foi agora descrito pelo autor ao regressar ao Porto para a sessão desta semana, onde foi distribuído gratuitamente "O Limpador de Ouvidos", que continua a ser oferecido aos visitantes com o Jornal da Feira do Livro, até ao próximo domingo.

Bernardo Carvalho estreou assim uma das grandes novidades da edição da Feira do Livro de 2018, a par da Cabine de Escalas.

Nascido em 1960 no Rio de Janeiro, Bernardo Carvalho é um dos autores mais fulgurantes da literatura brasileira contemporânea. O seu universo é urbano, a sua escrita depurada. Autor de contos, teatro e romance, venceu prestigiados prémios como o Jabuti, Machado de Assis ou Portugal Telecom e está traduzido em mais de 10 idiomas.

Aproveite para seguir a Feira do Livro do Porto através do Facebook.