Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Novo recorde no Porto de Leixões
14-01-2015

O Porto de Leixões registou um novo máximo de mercadorias movimentadas em 2014, um aumento de 5,3%, que corresponde a 18,1 milhões de toneladas.

Também as exportações cresceram 6,7%, com 5,8 milhões de toneladas no ano passado.


 

De acordo com a agência Lusa, revelando informação divulgada pela Administração dos Portos do Douro e Leixões (APDL), "num ano em que todos os segmentos de carga cresceram, destacaram-se os aumentos na Carga Geral Fracionada (+14%), nos Granéis Sólidos (+10,9%) e na carga Ro-Ro, que viu o seu volume aumentar para mais do quíntuplo do ano anterior", vincando ainda que "na movimentação de contentores, o Porto de Leixões atingiu um novo máximo de 667 mil TEU (Twenty-foot Equivalent Unit, a medida standard internacional equivalente a um contentor de 20 pés) o que corresponde a um crescimento de 6,5% face ao ano anterior de 2013".


 

A APDL referiu ainda que este resultado não pode ser dissociado da "performance operacional dos principais concessionários com maior movimentação de cargas" - o TCL-Terminal de Contentores de Leixões, o TCGL-Terminal de Carga Geral e Granéis de Leixões e a Galp Energia - que "têm contribuído de forma decisiva para os sucessivos records atingidos no movimento do porto".


 

Os principais destinos das exportações foram Angola, Reino Unido, Argélia, Marrocos  e EUA, de um conjunto de 181 países-destino para onde são exportadas mercadorias como ferro/aço, papel e cartão, paralelepípedos, azulejos e mosaicos, máquinas, entre outros.