Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Metro garantido até março
09-12-2014

O secretário de Estado dos Transportes anunciou hoje que foi alcançado um acordo para que a subconcessão da Metro do Porto ao consórcio Viaporto seja prolongada até março do próximo ano, estando atualmente a ser formalizada a documentação.

Em declarações à agência Lusa, Sérgio Monteiro disse que o Porto terá "o sistema de metro no mês de janeiro a funcionar tranquilamente, assim como no mês de fevereiro e no mês de março", mantendo a esperança de que, em abril, o futuro concessionário já esteja a operar "em condições financeiras vantajosas para o Estado".


"A extensão do contrato entre 1 de janeiro e 31 de março tem as mesmas condições financeiras do novo contrato que será assinado entretanto e que está agora a concurso", referiu o secretário de Estado, que reconheceu a demora do processo negocial sobre a subconcessão que terminaria a 31 de dezembro deste ano.


Segundo Sérgio Monteiro, falta agora "formalizar a documentação, para que a mesma possa ser remetida para o Tribunal de Contas".


Este mês, o presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira, disse esperar que o Governo refletisse sobre a decisão de privatizar a Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) e que avançasse "com uma solução para o metro", cujo funcionamento após 31 de dezembro afirmou não estar garantido.


Entretanto, o prazo para a apresentação de propostas à subconcessão da Metro do Porto e da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) foi alargado até dia 30 de dezembro.