Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Luís Pedro Martins eleito para o próximo triénio da Associação de Turismo do Porto com 98% dos votos
17-09-2020
O presidente da Turismo do Porto e Norte de Portugal, Luís Pedro Martins, acaba de ser eleito para presidente da Associação de Turismo do Porto (ATP), com uma votação praticamente unânime, que agremiou 98% dos votos em Assembleia Geral. Com mandato até 2022, a nova direção, em que o vereador Ricardo Valente assume a vice-presidência em representação do Município do Porto, propõe-se desenvolver uma estratégia concertada para promover externamente o Porto e Norte de Portugal como destino turístico.

No respaldo da votação, Luís Pedro Martins não escondeu o entusiamo, afirmando que "este sinal tão expressivo dado pelos associados numa eleição participada" deixa clara a confiança que os associados depositam na nova direção, cita a agência Lusa. 

A Lista N, encabeçada pelo também presidente da entidade regional Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP), integra como vice-presidente o vereador da Economia, Turismo e Comércio, Ricardo Valente, enquanto representante do Município do Porto, designado, ao abrigo dos Estatutos em vigor, para a vice-presidência da direção. O nome do eleito pelo movimento independente como representante da autarquia no organismo tinha já sido aprovado na reunião de Câmara que teve lugar no início do mês de setembro.

Na Assembleia Geral Eleitoral da Associação de Turismo do Porto, que elegeu hoje no auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett, os Órgãos Sociais para o triénio 2020-2022, Luís Pedro Martins partilhou à mesma fonte que "esta eleição como presidente também da ATP é de facto um dos bons exemplos da capacidade que este setor tem no Norte do país de agregar e de unir. E isso importa aqui saudarmos também e relevar".

Mais, afiança o recém-eleito, "tendo merecido essa honra e essa enorme responsabilidade, penso que estão agora criadas todas as condições para finalmente podermos ter uma estratégia comum para a região, articular e coordenar campanhas de promoção interna e campanhas de promoção externa".

Entre as prioridades dos novos representantes da ATP destaque para o investimento na "comercialização" do destino turístico e do contributo para "a coesão territorial e social da região do Porto e Norte".

A lista única que hoje foi a votos é composta na direção pelo representante da Turismo do Porto e Norte de Portugal, Luís Pedro Martins, pelo representante da Câmara do Porto, Ricardo Valente, pelo representante da Associação Comercial do Porto, Nuno Botelho, pelo representante da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, pela ANA Aeroportos representada por Fernando Vieira, pela Fundação de Serralves representada por Ana Pinho, entre outros representantes de classes setoriais da hotelaria e restauração.

A Associação de Turismo do Porto tem por fim desenvolver e promover externamente o Porto e Norte de Portugal como destino turístico, contribuindo decisivamente como catalisador da imagem de prestígio e notoriedade junto dos diversos mercados internacionais.

Recentemente, ATP e Turismo do Porto e Norte já lançaram as bases dessa cooperação, materializando-a no primeiro vídeo promocional produzido em conjunto. Em meados de julho, o Conselho Municipal de Turismo acertava o mesmo tom de discurso, de que estas duas entidades devem cooperar para alavancar o setor no Porto e Região, particularmente agora, que os desafios são inéditos e é preciso delinear ações estratégicas para reativar aquele que era o cenário extremamente positivo no pré-pandemia.