Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Jardins do Palácio enchem de público para os debates e eventos da Feira do Livro
16-09-2019
A sessão com o poeta e músico brasileiro Arnaldo Antunes foi uma das várias sessões, entre debates, espetáculos e apresentações de cinema, com que a Feira do Livro atraiu muito público no fim de semana aos Jardins do Palácio de Cristal, onde está a decorrer até ao próximo domingo e sempre com acesso livre.

Com iniciativas do programa educativo e de animação para os mais novos a decorrer ao longo do dia, além dos concertos de jazz e sessões de autógrafos, o grande festival literário do Porto reuniu também diversos nomes de realce nos eventos do programa principal.

Assim, a sessão de cinema que o poeta Pedro Mexia apresentou ontem à noite, com o filme "Nada a esconder / Caché" de Michael Haneke, terá sido uma das mais concorridas do auditório, que o público tomara já ao longo da tarde para um debate entre o poeta e músico brasileiro Arnaldo Antunes (Titâs, Tribalistas) e o comissário desta edição da Feira do Livro, Nuno Artur Silva, a propósito dos tempos conturbados que o meio artístico e cultural brasileiro atravessa na atualidade. Ou, igualmente muito atual, o debate sobre o presente e o futuro do planeta Terra e a esperança que é possível ainda ter quanto à subsistência da Humanidade, que contou com os especialistas Nuno Ferrand de Almeida, Luísa Schmidt, Henrique Miguel Pereira e Arminda Deusdado.


A programação, aliás, tem tido como constante o facto de apontar os focos a temáticas de preocupação geral nos tempos que correm, assim como a alguns acontecimentos que estão a ser assinaladas neste ano a nível nacional ou internacional. Especialmente dedicada ao pensamento de Eduardo Lourenço (a personalidade homenageada nesta edição), a Feira do Livro lembrou também no fim de semana os 500 anos da viagem de circum-navegação de Fernão de Magalhães e o centenário de Jorge de Sena (com uma Lição pelo Professor Jorge Vaz de Carvalho).

Houve ainda ocasião para uma sessão de "poesia à capela" com João Luís Barreto Guimarães, Jorge Sousa Braga e Nuno Artur Silva, para um "Balanço precipitado da poesia portuguesa do século XXI", com Ana Luísa Amaral, Inês Fonseca Santos, Pedro Mexia, Rui Lage e José Mário Silva, e para um espetáculo de poesia e música.

Muito mais está ainda programado para esta que é a última semana da Feira do Livro, como pode confirmar no Jornal (consulte AQUI ou descarregue AQUI) e acompanhar no Facebook.