Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Integração de mais nove lojas no Porto de Tradição levada a consulta pública
12-12-2017
A Câmara do Porto vai submeter a consulta pública o reconhecimento de mais nove espaços comerciais como estabelecimentos de interesse histórico e cultural ou social. A proposta, hoje aprovada por unanimidade em reunião de Executivo, permitiu ainda reconhecer três lojas, com a discussão pública já concluída, no âmbito do procedimento Porto de Tradição. 

Confeitaria Cunha, Botónia, Café Moreira, Costa Braga & Filhos Lda., Deltrilã, Moura & Fortes - Pffaf, Neves & Filha, Lda., O Pretinho do Japão e Ourivesaria Brilhante são as lojas cujo reconhecimento será submetido a consulta pública por um período de 20 dias e a parecer da junta de freguesia.

Casa Soleiro, Galerias de Vandoma e Lopo Xavier & Companhia, Lda são os três estabelecimentos agora reconhecidos e que são acrescentados ao conjunto de lojas já abrangidas pelo Porto de Tradição - Procedimento para Reconhecimento e Proteção dos Estabelecimentos e Entidades de Interesse Histórico e Cultural ou Social Local. Os três espaços juntam-se a outras 36 lojas já classificadas, 34 no anterior mandato e duas em outubro passado, que poderão beneficiar das medidas de proteção adequadas.

Conforme foi recentemente explicado pelo presidente da Câmara aos comerciantes da cidade, em sessão de apresentação do Porto de Tradição, é "uma política clara do Município" o desejo de conservar os estabelecimentos históricos e de tradição do concelho. "Há um tecido importante na cidade que, estando ameaçado, precisa de ser preservado", sublinhou Rui Moreira na ocasião.