Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Instalação e performances trazem experiência erótico-ecológica ao Club Ecosex
07-11-2017
Imersão sensual total é o que se espera do duo australiano Pony Express, que traz ao Fórum do Futuro uma talk e três experiências, nas noites de quarta, quinta e sexta-feira.

Com acesso a maiores de 18 anos, entre as 23 e a 1 hora da manhã no 5.º piso do Rivoli, o Club Ecosex apresenta uma experiência erótico-ecológica com plantas, terra e criaturas vivas, para estimular, cheirar e seduzir - um clube de swingers para a biosfera. 

O Club Ecosex é, assim, uma descoberta, um momento de ultrapassagem de inibições e uma forma de alargar os limites da sexualidade, da curiosidade e da interação entre as pessoas e o meio ambiente. É essa a proposta dos Pony Express, composto por Ian Sinclair e Loren Kronemyer, para uma série de três performances noturnas (quarta, quinta e sexta-feira), num lugar onde é possível exprimir livremente os desejos ecológicos mais profundos.

A apresentação de cada noite conta com a participação de um DJ diferente (MVRIA dia 8, Alfredo dia 9 e Saliva dia 10), além dos performers Carlos Azeredo Mesquita, David Pinho Barros, Francisca Marques e Luísa Martelo.

Funcionando sem necessidade de bilhete, o acesso ao Club Ecosex é feito de acordo com a limitação do espaço e só a maiores de 18 anos, sendo que a última admissão acontece às 00,30 horas.

Da Terra mãe à Terra como amante
Os menos ousados ou mais intrigados têm possibilidade de conhecer melhor o trabalho e as propostas dos Pony Express através da sessão marcada para a tarde de sábado na mala voadora. 

Às 17 horas, Ian Sinclair e Loren Kronemyer falam "Da Terra como mãe à Terra como amante", isto é, mostram que nem tudo são más notícias, tendo em conta a crescente consciência ecológica a nível mundial. Também daí a questão: o que acontece quando deixamos de ver a Terra como mãe e passamos a vê-la como amante?

É para procurar a resposta que os Pony Express criam realidades imersivas alternativas que desafiam os limites da evolução e da ecologia, mergulhando os participantes em encontros clandestinos e experiências sensoriais com o ecossistema.
Ao juntar a prática artística com a consciência ambiental, a ecologia torna-se mais diversa, divertida, sensual e inclusiva, gerando conhecimento e capacidade de alterar o futuro.

Entretanto, o Fórum do Futuro tem muitas mais propostas até ao próximo dia 11 e pode conhecê-las melhor aqui.