Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Habitação a renda acessível no Centro Histórico para famílias da classe média
05-02-2020

Um total de 15 habitações reabilitadas em pleno Centro Histórico do Porto estão a entrar para o mercado de arrendamento da cidade e a preços acessíveis, com o objetivo de permitir o regresso de famílias da classe média ao "coração" da Invicta.


Os edifícios antigos foram intervencionados pela empresa municipal Porto Vivo, SRU - Sociedade de Reabilitação Urbana do Porto precisamente com o objetivo de serem reintroduzidos no mercado de arrendamento. E assim acontece agora com as habitações a apresentarem condições de habitação digna e confortável a par de condições de aluguer financeiramente acessíveis às famílias da classe média.


Esta é uma das respostas que o Município tem para dinamizar o mercado de arrendamento a custos controlados e oferecer opções à grande procura de casa por parte de quem está interessado em viver no centro do Porto, mitigando assim a falha no mercado da habitação na cidade.


No caso específico das 15 habitações agora reabilitadas, ficam situadas no Morro da Sé e os interessados podem candidatar-se até 28 de fevereiro a: 


>T0 com rendas de 220 e 250 euros;
>T1 ou equivalente com rendas entre os 150 e os 270 euros;
>T2 ou equivalente com rendas acessíveis entre os 390 e os 700 euros;
>T2 duplex ou triplex com rendas a variar entre os 320 e os 935 euros.

No processo de candidaturas, terão mais hipóteses de sucesso os agregados jovens, com crianças e com rendimentos mais baixos. A possibilidade de concorrer é aberta a quem já viva na cidade e a quem trabalhe no Porto há pelo menos seis meses.

SAIBA AQUI como fazer para se candidatar a viver no Centro Histórico do Porto a preços controlados.