Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Há uma app que mede a felicidade dos portuenses
07-11-2015

A aplicação MoodSensor esteve ontem em destaque no Fórum do Futuro, como instrumento que visa mapear a felicidade dos cidadãos e compreender a influência de parâmetros como a mobilidade ou o ambiente. Esta aplicação, que se instala nos telemóveis dos portuenses, permite que os mesmos participem num estudo global sobre as sensações coletivas. O projeto foi tema de um dos paineis do Fórum do Futuro, que está a decorrer no Porto até amanhã e cujo tema é a felicidade.


Ana Aguiar e Cristina Queirós foram as convidadas da sessão, que foi moderada por Filipe Araújo, vereador do ambiente e inovação da Câmara do Porto.


Os dados que esta aplicação recolhe, são captados de forma automática e não intrusiva, garantindo a segurança e privacidade, através da tecnologia SenseMyCity desenvolvida na FEUP. Um grande número de cidadãos contribui com seus dados de mobilidade e de humor diariamente, preenchendo o nível de cada emoção de acordo com o modelo de Ekman, ou indicando o seu nível de felicidade numa escala de 1 a 5.


Agregando esses dados, constrói-se um mapa diário do humor do Porto. O mapa irá mostrar a distribuição de emoção/ felicidade no mapa da cidade. Juntando todos os mapas diários, obtém-se o mapa histórico humor do Porto.


A recolha de dados também fornece um conjunto de dados sobre a mobilidade dos participantes, que podem ser usados para estudar os hábitos de mobilidade dos cidadãos do Porto e a apoiar a investigação sobre a mobilidade urbana.


Os resultados preliminares mostram diferentes níveis de emoção durante o trabalho, as viagens diárias e períodos de lazer. Também podemos observar níveis significativamente mais baixos de felicidade auto-reportada em situações de espera por transporte do que em trabalho ou lazer.


Nesta sessão os convidados deram mais detalhes do estudo em curso (uma cooperação entre a Faculdade de Engenharia e a de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto, no âmbito do Centro de Competência para Cidades do Futuro) mostrando os resultados para maior população e mais longo período de coleta, e discutir o impacto dos resultados.


Para participar no estudo, basta procurar na app store da Apple ou da Google (Android) e descarregá-la gratuitamente. O seu uso é muito simples e intuitivo.


Descarregue para iPhone


Descarregue para Android