Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Grupo Erasmus+ apresenta no Porto o projeto de inclusão através das TIC
15-02-2019

Professores e estudantes do grupo de trabalho Erasmus+, oriundos de países como a Dinamarca (país coordenador geral do projeto), Roménia, Grécia e Portugal, e da representação portuguesa através de uma escola do Funchal (EB 2,3 Louros) e outra do Porto (Cerco do Porto), estiveram na Câmara do Porto para apresentar o projeto «Let me think /Let me be myself - ICT as a tool of inclusion and opportunities».


O grupo Erasmus+ foi recebido, esta manhã, nos Paços do Concelho pelo vereador da Educação, Habitação e Coesão Social, Fernando Paulo, que salientou "a realização deste encontro na nossa cidade é motivo de grande satisfação, pois o Porto é cada vez mais uma cidade aberta à Europa e ao Mundo".

O vereador da Educação reafirmou o compromisso de cooperação que a cidade do Porto assume nesta jornada, acrescentando que "é o dever de todos, e muito especialmente dos jovens, das novas instituições escolares e dos professores, garantir uma Europa sem fronteiras, uma Europa que eduque para os valores, para a tolerância, para o humanismo e a solidariedade. Uma Europa que investe e aposta na educação de todos, valorize e promova a cultura, invista e apoie a ciência, a tecnologia e a inovação. Uma Europa das pessoas e para as pessoas".

Embora se envidem esforços em termos de política educativa para combater o insucesso e o abandono escolar, ainda se verificam situações de retenções sucessivas, comportamento disruptivo, absentismo e desistência.

Esta rutura com a escola conduz a um sistema de ensino com baixas competências funcionais, pessoais e académicas que importa reverter, mormente através do potencial pedagógico das tecnologias da informação e comunicação (TIC), implementando diversos modelos pedagógicos de ensino-aprendizagem com recurso ao uso das tecnologias.

Os docentes destes países, em equipa, realizaram formações na área, no sentido de aperfeiçoarem práticas pedagógicas promotoras do sucesso, com vista a diminuir o insucesso escolar e o abandono precoce dos alunos.

"Este grupo chegou ao Porto no dia 11 de fevereiro, tendo participado num debate na Escola do Cerco sobre medidas para contribuir para a redução do abandono escolar; que estratégias é que os professores poderão utilizar, de acordo com as normativas europeias para a elaboração deste projeto, para promover a inclusão social. A equipa decidiu que a delegação seria composta por professores e por dois alunos de cada país", referiu Bruno Rodrigues, professor de Português do Agrupamento de Escolas do Cerco do Porto.

O Erasmus+ é o programa da União Europeia que atua nas áreas da educação, formação, juventude e desporto para o período de 2014-2020, com a missão de apoiar a execução da estratégia Europa 2020 para o crescimento, o emprego, a justiça social e a inclusão.

Este programa tem uma dimensão intra-europeia e internacional, ao nível da cooperação, com base nos resultados de mais de 25 anos de programas europeus para estimular novas formas de cooperação.