Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Governo garante 14 milhões de euros para obra da nova esquadra da PSP no Viso
07-08-2019
As novas instalações da PSP, no Viso, vão custar 14 milhões de euros e as obras devem começar no próximo ano, garantiu nesta terça-feira a secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna, Isabel Oneto, durante a cerimónia do 152.º aniversário do Comando Metropolitano do Porto da PSP.

A governante assinalou que se trata de "um investimento de 14 milhões de euros" e que a infraestrutura irá albergar não só a esquadra do Viso, como também o Corpo de Intervenção da Belavista.

"Estamos na fase dos projetos de especialidades. Esperamos que a obra possa ser adjudicada e comece no próximo ano", disse a secretária de Estado citada pela Lusa, no final da cerimónia.

Sobre o projeto "ambicioso" da superesquadra do Viso, o comandante da PSP do Porto, Paulo Pereira Lucas, acrescentou que tem por objetivo instalar no mesmo espaço a Força Destacada da Unidade Especial de Polícia com quatro valências, nomeadamente a Divisão de Trânsito, as estruturas de logística e de formação, o Centro de Comando, Controlo e Comunicações e as áreas de detenção.

Rui Moreira, que também participou na cerimónia dos 152 anos do Comando Metropolitano do Porto da PSP, pediu ao Governo que faça mais pelo combate a "um novo poder informal que se está a instalar" nas cidades em Portugal e declarou não se conformar "com o consumo de drogas à porta de escolas"

O presidente da Câmara do Porto lembrou ainda que o Município não tem qualquer competência ou poder em matéria de segurança ou combate ao tráfico, mas tem mostrado disponibilidade para continuar a cooperar.

Recentemente, a autarquia entregou viaturas da sua frota para a PSP reforçar o patrulhamento da cidade.