Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Geneta devolvida à natureza
29-04-2016

Foi ontem libertada no Parque da Cidade do Porto, ao final da tarde, uma geneta (Genetta genetta). O animal foi encontrado na zona da Foz e entregue no Centro de Recuperação de Fauna Selvagem do Parque Biológico de Gaia (PBG).


Depois de ter sido avaliado pelo veterinário daquele centro e, estando pronto para ser devolvido à natureza, optou-se pela sua libertação no Parque da Cidade do Porto, um espaço verde com capacidade de acolhimento e próximo do local onde foi encontrado.


Esta libertação não corresponde a uma ação de introdução de novas espécies no Parque da Cidade, mas sim da devolução ao meio natural de um animal selvagem, autóctone (nativo), que ocorre naturalmente na Cidade do Porto e que já habitava esta zona, apesar fortemente urbanizada. Neste caso, o Parque da Cidade, pela sua proximidade ao local onde o animal foi encontrado, pela grande área e diversidade de habitats que possui, torna-se a melhor escolha para esta ação.


A geneta é um pequeno mamífero selvagem semelhante a um felídeo. A pelagem é acinzentada, com manchas ou listas pretas e na cauda alterna em anéis cinza e preto. Tem uma dieta omnívora, alimentando-se principalmente de roedores (ratos, por exemplo), insetos, mas também de bagas. Tem hábitos essencialmente noturnos e por isso a sua libertação foi efetuada ao anoitecer.