Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Futuro do Porto também se faz com Música para Todos
19-01-2018
De ano para ano, cresce o projeto municipal Música para Todos, que pela promoção do ensino articulado da música no Ensino Básico visa promover o sucesso escolar. Já na oitava edição, a iniciativa permitiu entregar ontem, em cerimónia nos Paços do Concelho, instrumentos musicais a 25 alunos do 5.º ano. Com música e futuro reunidos na Sala D. Maria, o presidente da autarquia resumiria a importância do momento: "Estes são os dias felizes na Câmara do Porto". 

"O mundo também se faz através da música" - destacou Rui Moreira a crianças, pais e professores, após sublinhar o sucesso de um projeto educativo que pode, de facto, ser transformador. "O tempo que se dedica à música nunca é perdido", frisou, lembrando que a aprendizagem de um instrumento potencia "o bom aproveitamento escolar".

Esta 8.ª edição do Música para Todos é apadrinhada pelo música Miguel Guedes, que manifestou o "enorme júbilo em pensar nestas crianças a expressarem e verem o mundo através de um instrumento". Umas poderão seguir a carreira musical, outros não, o que importa é "que sejam felizes".

Após a entrega dos instrumentos e os curtos discursos, como convinha, foi música que se escutou na Sala D. Maria, com a atuação do núcleo residente da Orquestra Juvenil da Bonjóia. Promovida pelo Município, esta formação é composta por 120 jovens alunos de várias escolas do Porto, estando o seu percurso intimamente ligado ao Música para Todos.



Lançado em 2010 pela Câmara do Porto, em parceria com o Curso de Música Silva Monteiro e os agrupamentos de escolas do Cerco e do Viso, este projeto para o ensino articulado conta atualmente com um total de 84 alunos do 2.º e 3.º ciclos do Ensino Básico, pertencentes àqueles dois Territórios Educativos de Intervenção Prioritária (TEIP) da cidade. À intenção de promover o sucesso escolar associa a prevenção do abandono escolar.

No presente ano letivo, o Música para Todos - iniciativa apoiada pelo BPI - Banco Português do Investimento, a BIAL e a Fundação Manuel António da Mota - está implementado apenas no Agrupamento de Escolas do Cerco do Porto.