Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Final do Concurso de Leitura
22-04-2015

A Biblioteca Municipal Almeida Garrett acolheu terça-feira, 21 de abril, a 9ª edição da Final Distrital do Porto do Concurso Nacional de Leitura (CNL) à qual concorreram 122 escolas e 469 alunos do 3º ciclo e secundário.


Esta iniciativa do Plano Nacional de Leitura, Rede de Bibliotecas Escolares e Direção Geral do Livro e das Bibliotecas conta com a colaboração do Pelouro da Cultura da Câmara Municipal do Porto, através da Biblioteca Municipal Almeida Garrett, desde a sua primeira edição. O vereador da cultura Paulo Cunha e Silva encerrou esta "festa de leitura" e anunciou que a final nacional do CNL se realizará pela primeira vez no Porto, no próximo mês de julho.


Para além de terem posto à prova as suas leituras, os alunos contataram ao longo do dia com diversas manifestações artísticas, num programa que incluiu o espetáculo adVERSUS, da companhia de teatro Andante, uma performance teatral com alunos do 3º ciclo e visitas guiadas à exposição "You love me, you Love me not", patente na Galeria Municipal. Saliente-se ainda que todos os alunos receberam livros, entre os quais uma edição de Os Lusíadas oferecida pela revista Visão.


Os concorrentes realizaram um teste escrito, tendo sido selecionados 5 elementos de cada grau de ensino que fizeram as provas orais. Os vencedores selecionados a partir destas entrevistas foram os seguintes: 3º ciclo - Rita Abigail Costa da EB 2/3 Augusto Gil, Porto e Nara Gonçalves EB 2/3 Dr. Carlos Pinto Ferreira de Vila do Conde (suplente); No secundário Andreia Filipa Martins da Escola Secundária de Penafiel e Joana Maria Rebelo da Escola Secundária filipa de Vilhena (suplente). O júri congratulou-se com a qualidade de bons leitores dos concorrentes, o empenhamento dos alunos, das escolas e dos professores num concurso que desenvolve hábitos de leitura, que contribuirão para uma maior participação cívica, cultural e educativa para a construção de um país mais informado e melhor.


Os alunos selecionados receberam diversos livros oferecidos por editoras que se associaram à iniciativa, e para os primeiros lugares a Porto Editora ofereceu cheques-livro no valor de 250€.