Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Financeira francesa instala no Porto o seu centro de tecnologias de informação e cria 600 novos empregos
21-02-2017

O antigo centro comercial Central Shopping vai voltar a ser ocupado, agora por uma empresa da área das tecnologias de informação, o que incluirá as instalações de um grupo financeiro francês (o Natixis) criando 600 novos postos de trabalho e centralizando no Porto boa parte das suas operações.


Segundo o jornal Público noticia hoje, o edifício Oporto Center vai ser reocupado, encontrando-se devoluto após o falhanço de vários projetos comerciais e a saída da construtora que nos anos 90 o concebeu e que ali teve sede durante anos. Ainda segundo a notícia, o prédio foi totalmente arrendado a uma multinacional de origem francesa para instalação de serviços da área das tecnologias da informação.


Pelo que o Público conseguiu apurar, o novo inquilino pretende parquear em Portugal boa parte dos seus serviços informáticos, passando a executar internamente tarefas que, até aqui, tem contratado a entidades externas. A estratégia, que implica a criação, em três anos, de 600 postos de trabalho no novo centro de operações no Porto, foi revelada também pelo jornal francês Les Echos.


Este investimento e criação de postos de trabalho no centro do Porto, agora revelado pelo Público, junta-se a outros que têm sido recentemente anunciados e concretizados, como ainda há poucos dias aconteceu com a Critical Software, uma das mais avançadas e inovadoras empresas do mundo, na sua área.


O Porto recebe também este ano um centro de tecnologias da informação da Euronext, que estava na Irlanda do Norte e que vai servir todos os mercados em que o grupo pan-europeu está presente.