Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Festival Porta-Jazz chega nove dias antes de começar
29-01-2020
O Festival Porta-Jazz só acontece no segundo fim de semana de fevereiro, no Teatro Rivoli, mas começa já hoje... com "uma noite incrível de partilha e de aquecimento para o 10.º aniversário".

É assim que a organização tem estado a anunciar aos "músicos, melómanos, aristogatos, apoiantes e curiosos" o evento desta quarta-feira. Trata-se do "Zero Jam - Warmup para o 10.º Festival Porta-Jazz", uma iniciativa organizada com o seu parceiro Hotel Zero Box Lodge Porto, a partir das 22,30 horas e com entrada livre.

O objetivo declarado é recordar e chamar a atenção para o festival propriamento dito, que vai celebrar uma década da associação de músicos de jazz do Porto e  que tem mais outro pré-evento no próximo sábado, dia 1, na sede da instituição (Rua de João das Regras, 305). O "Quátrio" - ou o átrio dos quatro, que evoca a terminologia do Império Romano - apresentará então Tiago Baptista (vibrafone), João Mortágua (saxofone alto), Demian Cabaud (contrabaixo) e Diogo Alexandre (bateria) às 19 e às 22 horas, na Sala Porta-Jazz.

Depois, nos dias 7, 8 e 9 de fevereiro, o Teatro Rivoli torna-se "capital" do jazz para três dias de festival com um total de 19 eventos em diferentes espaços do teatro.

No cartaz do 10.º Festival Porta-Jazz, destacam-se a atuação do trompetista Peter Evans com a Orquestra Jazz de Matosinhos, o aniversário em palco do super-grupo Coreto, a apresentação do último disco do pianista Pedro Neves, o novo projeto do contrabaixista Miguel Ângelo, os espetáculos do saxofonista lituano Liudas Mockunas e do trio austríaco Blechbaragge, a parceria artística que junta a associação suíça AMR e a Porta-Jazz, um concerto comentado interativo para todas as idades e ainda um baile de lindy hop.

Os bilhetes para o festival estão já à venda na bilheteira do Rivoli. Cada bloco de concertos (tarde ou noite) tem o custo de sete euros (os sócios da Porta-Jazz têm desconto). No Café e no Foyer há atividades de entrada livre.

Consulte o cartaz completo da 10.ª edição do festival no site da Associação Porta-Jazz.