Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Festival de arte e tecnologia com histórico na Áustria aposta em edição no Porto
08-09-2020
Arte, tecnologia, moda, indústria têxtil e design cruzam-se no festival Ars Electronica Porto Garden by FNDMT, um verdadeiro encontro de "fazedores" ou makers, dirigido à comunidade criativa e tecnológica da cidade do Porto. O evento é inspirado no festival anual de Linz (Áustria) e decorre já a partir desta quarta-feira, entre os dias 9 e 13 de setembro, com várias mesas redondas e debates, que serão partilhados online.

É pela iniciativa de Lisa Lang, alemã que assentou vida e profissão na cidade do Porto há um par de anos, que chega ao nosso país o Ars Electronica Porto Garden by FNDMT, inspirado no Ars Electronica de Linz, na Áustria, festival que desde 1979 celebra artistas, cientistas, programadores, designers, empreendedores e ativistas.

A ideia da organização em terras lusas, mais propriamente na cidade Invicta, surgiu da preponderância de um ecossistema empreendedor a Norte, mais audaz, propício à inovação e ao risco, tão caro ao ADN deste festival, que celebra o espírito colaborativo e as parcerias entre indústria e criatividade, entre reflexão e ação.

O programa da edição regional do Porto, desenvolvido através da empresa OFundamentO (FNDMT), companhia irmã da ThePowerHouse, fundada por Lisa Lang, contempla seis momentos-chave, que serão libertados no espaço virtual ao longo dos próximos dias.

Os temas que constam do alinhamento do primeiro Ars Electronica Porto Garden by FNDMT vão convocar os participantes a discorrer sobre "Como encontrar oportunidades no caos", a refletir "O impacto social e a ética na inteligência artificial" ou até a identificar quais os materiais mais propícios a uma viagem espacial, desafiando os intervenientes da mesa redonda a apresentar soluções flexíveis e inovadoras.

O último painel, "Porto: Welcome to the city of makers, your place for creative enterprises." (Porto: Bem-vindos à cidade dos fazedores, o local ideal para as empresas criativas), que será lançado no próximo domingo, dia 13, a partir do site e das redes sociais do evento, conta com a participação do vereador da Economia, Turismo e Comércio da Câmara do Porto, Ricardo Valente, do presidente do Porto Tech Hub, Luís Neves, da mentora do projeto A Maquinista, Patrícia Soares da Costa, além dos "makers" (fazedores) Mario Silva, da Lehman + Silva gallery, Irena Übler, especialista em design industrial e sustentabilidade, e Tauan Bernado, do VivaLab. A moderação ficará a cargo de Lisa Lang, considerada pela Forbes uma das 50 mulheres mais influentes na tecnologia europeia.

O Ars Electronica Porto Garden by FNDMT, cuja ideia foi alimentada durante o período de pandemia por mais duas mulheres empreendedoras que integram a equipa ThePowerHouse, Lívia Pinent e Joana Lacerda, conta com o apoio do Município do Porto.