Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Festival DDD a crescer recebeu mais de 14 000 espectadores este ano
21-05-2018
A terceira edição do Festival DDD - Dias da Dança registou um crescimento de 40% de público e ultrapassou as 14 000 pessoas nos vários espetáculos que levou aos três municípios da Frente Atlântica. 
 
Fruto da aposta reforçada entre as câmaras do Porto, Gaia e Matosinhos, em coprodução com sete entidades culturais dos três concelhos, o festival voltou a mostrar-se uma decisão acertada e o sucesso é passível de ser medido em números objetivos. Desde logo, entre as 44 sessões do DDD IN (espetáculos em sala), 30 apresentaram lotação esgotada, sendo a taxa global de ocupação total de 90%.

Já o DDD OUT (espetáculos no espaço público) contou com 10 apresentações que cativaram, no total, 1 200 espectadores em locais de grande fluxo de transeuntes da Frente Atlântica. Juntos, o DDD IN e o DDD OUT contaram com 14 estreias absolutas e 13 estreias nacionais. 

O DDD EXTRA, que teve programação reforçada com um total de 10 masterclasses, três workshops, dois aquecimentos paralelos, encontros e festas, contou com quase 3 200 participantes, fortalecendo a ligação da comunidade com as artes performativas.

A grande novidade desta edição foi o segmento DDD PRO, em parceria com a Sekoia, Artes Performativas, dedicado a profissionais da dança. Foi ocasião para 100 bailarinos partilharem a experiência de participar em workshops orientados por alguns importantes nomes nacionais e internacionais da dança.

Entre artistas e suas equipas, o festival acolheu 264 pessoas. Dos 54 programadores presentes ao longo dos Dias da Dança, 17 eram portugueses e os restantes 37 oriundos de países como a Bélgica, o Brasil, o Canadá, a França, a Inglaterra e Taiwan.

Entretanto, os presidentes das três câmaras assinaram já o compromisso para dar continuidade ao festival nos próximos anos e a quarta edição já tem mesmo data marcada: entre os dias 24 de abril e 11 de maio de 2019, a dança regressa à Frente Atlântica.