Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Exposição sobre a vida e obra de António Sérgio atrai aos Paços do Concelho
11-10-2019
A exposição biobibliográfica e videodocumental "Sérgio '19" está patente ao público no átrio da Câmara do Porto, convidando a conhecer melhor a vida e obra do pensador, escritor, pedagogo e "pai" do cooperativismo português.

Inaugurada ao fim do dia de ontem, a exposição, que esteve anteriormente na Assembleia da República, assinala os 50 anos da morte de António Sérgio (1883-1969), "uma figura ímpar da nossa História e do nosso pensamento", como descreveu o presidente da Câmara, Rui Moreira, considerando que a obra cívica de António Sérgio torna a sede do Município o local mais indicado para esta exposição, por ser "a casa do povo".

Reunindo manuscritos de António Sérgio, depoimentos áudio e vídeo de várias personalidades, algumas das quais conviveram com o homenageado, além de outros documentos e livros, "Sérgio '19" constitui "um repositório documental de originais do arquivo pessoal de António Sérgio", salientou por seu lado o presidente da CASES - Cooperativa António Sérgio para a Economia Social, Eduardo Graça, recordando que esse arquivo pode ser acedido online ou diretamente na vivenda da Lapa, em Lisboa, onde viveu António Sérgio.



A exposição abre assim um percurso através da vida, da obra e das ideias de António Sérgio, pelo que tem como temas centrais os ligados ao Cooperativismo, à Educação e à Política. Está organizada numa perspetiva cronológica e tem como pontos marcantes o ano do nascimento, de António Sérgio (1883), o da morte (1969) e o do tributo (2019). Constitui, por isso, um convite aos visitantes para, através de manuscritos, edições, fotografias e outros documentos e registos, refletirem sobre a atualidade destes temas com a ajuda do "homem que pensou Portugal", mas percorreu mundo e foi um agitador social.

"Sérgio '19" pode ser visitada nos Paços do Concelho até 6 de dezembro, de segunda a sexta-feira entre as 9 e as 17 horas. A entrada é livre.