Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Exposição homenagem inaugurada no aniversário de José Rodrigues
29-10-2016

"80 anos, 80 interpretações de José Rodrigues" foi a exposição homenagem inaugurada no dia de aniversário do escultor portuense.  Uma exposição inédita que surge de um desafio lançado a 80 artistas para interpretar plasticamente o rosto ou a obra do mestre, com curadoria de Agostinho Santos e Luísa Prior. 

O monumento ao empresário foi recuperado pela Câmara do Porto a tempo das comemorações "era uma coisa que deixava o José Rodrigues muito triste, envolvemos a AEP. Tínhamos esta surpresa para ele", refere Rui Moreira, Presidente da autarquia portuense.

Um dia preparado pela família e fundação com várias surpresas desde o "lançamento do livro da última exposição, tal como o livro José Rodrigues Esculturas na cidade do Porto que permite às pessoas conhecer a cidade através dos olhos do mestre", refere Ágata Rodrigues.



Na inauguração foi oferecida uma serigrafia a cada artista participante na mostra. A primeira entregue ao presidente da câmara do porto como forma de reconhecimento, um ato recíproco com a entrega de uma moldura com a fotografia do agora recuperado Monumento ao Empresário.

De relembrar que José Rodrigues realizou os seus estudos na Escola Superior de Belas-Artes do Porto onde concluiu o curso de Escultura. Com Armando Alves, Ângelo de Sousa e Jorge Pinheiro constituiu, em 1968, o grupo "Os Quatro Vintes". Foi um dos fundadores da Cooperativa Cultural Árvore, no Porto, e um dos promotores da Bienal de Vila Nova de Cerveira.

Entre as obras mais conhecidas de José Rodrigues destaca-se o cubo da Praça da Ribeira.

A exposição "80 anos, 80 interpretações de José Rodrigues" está patente na Fundação Escultor José Rodrigues até o dia 18 de Fevereiro de 2017.