Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Exposição de Camélias do Porto regressa ao Mosteiro de São Bento da Vitória
10-02-2018

Com as japoneiras já a florir por todo o lado, anuncia-se a 23.ª Exposição de Camélias do Porto, marcada para os dias 3 e 4 de março. Após ter passado pelo Palácio da Bolsa (2017) e Casa de Serralves (2016), o evento regressa ao Mosteiro de São Bento da Vitória, onde decorreu a edição de 2015.


Uma organização da Câmara do Porto com a Associação Portuguesa de Camélias, a iniciativa manifesta, anualmente, a forte expressão que a flor oriunda do sudeste asiático tem na paisagem da cidade. Esta importância é devidamente assumida com a marca "Porto. Cidade das Camélias", sob a qual desde 2015 se dá expressão a uma programação especial.


A mostra tem um caráter competitivo, com eleição da melhor camélia, da melhor camélia de origem portuguesa e do melhor arranjo floral. Haverá um conjunto de atividades complementares nos dois dias, que oportunamente será divulgado.

Organizada pela primeira vez em 1984, no Mercado Ferreira Borges, a Exposição de Camélias do Porto desperta, ano após ano, o entusiasmos dos muitos admiradores, colecionadores e produtores de camélias, que trazem a este evento os mais belos e perfeitos exemplares das suas coleções.

A camélia foi introduzida nos jardins do Porto no início do século XIX. Considerada então uma flor exótica, apresentada em feiras internacionais, foi adotada pelas famílias mais abastadas. Não tardou a espalhar-se pela cidade.