Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Exposição bibliográfica assinala 90.º aniversário do poeta Fernando Echevarría
25-02-2019
A Câmara do Porto inaugura nesta terça-feira uma exposição que assinala o 90.º aniversário de Fernando Echevarría, na Biblioteca Municipal Almeida Garrett. Na ocasião, a ministra da Cultura entrega ao poeta a Medalha de Mérito Cultural.

Com abertura marcada para as 10,30 horas, a mostra bibliográfica "Folhas de Poesia - nos 90 anos de Fernando Echevarría" tem o seu título inspirado numa das revistas literárias em que o poeta publicou um dos seus primeiros poemas.

Ao passar a entrada de "Folhas de Poesia - nos 90 anos de Fernando Echevarría", o visitante encontrará exemplares da principal bibliografia ativa e passiva do autor, revistas literárias dos anos de 1950 e 1960, referências a prémios e homenagens, entre os quais a atribuição da Medalha de Ouro da Cidade do Porto (2008).

Destacam-se igualmente alguns manuscritos do acervo da Biblioteca Pública Municipal do Porto, bem como o primeiro livro de poemas, "Entre Dois Anjos" (1956), e o mais recente, "Via Analítica" (2018). Está também exposto o conjunto de gravuras (gaufrage) de Flor Campino, que ilustram a obra "Ritmo Real" (1971).

No final do percurso, é possível requisitar algum dos livros de poemas de Fernando Echevarría, que a Câmara do Porto tem à disposição nas suas bibliotecas.

"Folhas de Poesia - nos 90 anos de Fernando Echevarría" ficará patente ao público até 26 de março, com entrada livre.

Grande Oficial da Ordem do Infante D. Henrique e três vezes Grande Prémio de Poesia APE/CTT (1981, 1991 e 2009), Fernando Echevarría foi também duplamente distinguido com o Grande Prémio de Poesia do P.E.N Clube Português (1982 e 1999), com o Prémio de Poesia Luís Miguel Nava, o Prémio Nacional de Poesia António Ramos Rosa, o Grande Prémio de Poesia Inasset/INAPA, o Prémio Eça de Queiroz, o Prémio de Cultura Padre Manuel Antunes, o Prémio de Poesia Teixeira de Pascoaes, o Prémio D. Diniz e o Prémio Correntes d'Escritas/Casino da Póvoa.