Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Eduardo Lourenço entre os 6 homenageados pela APE
11-07-2019
O ensaísta Eduardo Lourenço, que a Feira do Livro do Porto vai homenagear em setembro, foi uma das seis personalidades distinguidas ontem com a atribuição do título de sócio honorário pela APE - Associação Portuguesa de Escritores.

A par de Eduardo Lourenço, foram distinguidos o arquiteto Álvaro Siza, o jornalista António Valdemar, o cantor Carlos do Carmo, o historiador José Augusto França e o ator Rui Mendes.

"Foram escolhidos pelo que sabemos ser a vida pública, a obra singular e marcante da vida de cada um deles e pela proximidade connosco, unidos pela arte", explicou o presidente da associação, José Manuel Mendes, citado pela Lusa após a cerimónia, que decorreu em ambiente informal num restaurante de Lisboa.

No caso específico de Eduardo Lourenço (ausente por razões de saúde), "ele não gostaria de ser considerado uma unanimidade universal", admitiu o presidente da APE, destacando porém que se trata de uma "figura única no panorama português, não só o filósofo, mas aquele que pensou Portugal, na vida pública, política, literária, história e antropologia".

Eduardo Lourenço, de 96 anos, foi a personalidade escolhida para a homenagem anual da Feira do Livro do Porto e a quem será atribuída uma tília nos Jardins do Palácio de Cristal, no início da edição deste ano, que decorrerá entre 6 e 22 de setembro.