Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Edifício-sede do i3S inaugurado
19-05-2016

O Presidente da República, acompanhado do primeiro-ministro e do presidente da Câmara do Porto, inaugurou hoje o edifício-sede do i3S - Instituto de Investigação e Inovação em Saúde.


Resultando da união de três centros científicos da Universidade do Porto - o Instituto de Biologia Molecular e Celular (IBMC), o Instituto Nacional de Engenharia Biomédica (INEB) e o Instituto de Patologia e Imunologia Molecular (IPATIMUP) -, o i3S assume-se como o maior instituto de investigação português na área das Ciências da Saúde.


Marcelo Rebelo de Sousa deixou um elogio à "convergência de esforços" que permitiram a construção do instituto, que alberga perto de mil colaboradores, entre os quais 800 investigadores, e um outro ao presidente da Câmara:

 

"Sr. Presidente [Rui Moreira], você é um homem feliz! Imagino o que é de estimulante e desafiador ser-se presidente da câmara municipal do Porto. Um desafio que vossa excelência tem enfrentado com inteligência e brilho".


"Este instituto é excecional. Tem dimensão mundial, revela aquilo que pode haver de melhor que é a convergência não egoísta de três instituições que aceitam não apenas partilhar um espaço mas criar uma estrutura que conjugue o que têm feito, e é muito, pela Ciência em Portugal", acrescentou.


A Universidade do Porto construiu de raiz o maior instituto de investigação em saúde de Portugal, com 18 mil metros quadrados, num investimento superior a 21 milhões de euros. "Com o i3s, A universidade do Porto vai fortalecer o 'cluster' do Porto", frisou o reitor da UP, Sebastião Feyo.