Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Economia da Região Norte cresce e o Porto tem grande parte da responsabilidade
20-06-2017
No primeiro trimestre de 2017, a taxa de emprego aumentou para o valor mais elevado dos últimos oito anos, fixando-se em 70,1%. Outros indicadores, como as exportações, indicam crescimento económico, com a Área Metropolitana do Porto a assumir um peso considerável nesta dinâmica. A informação, inscrita no relatório trimestral "NORTE Conjuntura" da CCDR-N, vem sublinhar a relevância do Porto na evolução da economia regional e mesmo nacional, conforme estudos divulgados este ano.

Como se pode ler no documento, no período em análise o número de ativos a descontar para a Segurança Social residentes no Norte aumentou 3,4% face ao período homólogo do ano passado, sendo que "a Área Metropolitana do Porto assegurou um contributo que, por si só, explica quase metade do crescimento observado em toda a Região".

Do mesmo modo, a Área Metropolitana "foi responsável por cerca de metade" da diminuição do desemprego registado, que atingiu no primeiro trimestre de 2017 um valor próximo de 201 mil indivíduos (cerca de -35 mil, ou -14,9%, do que no trimestre homólogo de 2016).

Estes dados vêm reiterar a dinâmica positiva que se está a viver no Porto, marcada pela captação de investimentos e consequente criação de emprego. Ainda em março passado, um estudo divulgado pelo Porto. indicava que o interesse das empresas pela cidade disparou nos últimos dois anos, com a procura de escritórios a duplicar a média anual registada na última década. Já em maio passado, a agência Ernst and Young revelava que o Porto é o destino com maior número de investimentos e criação de postos de trabalho em Portugal.