Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

EB Paulo da Gama mostra capacidade da rede pública municipal para receber e fazer crescer 8.000 crianças
12-09-2019

O arranque de mais um ano letivo no Porto foi nesta manhã assinalado na EB Paulo da Gama, em Lordelo do Ouro. Regressam hoje à escola cerca de 8.000 crianças, que encontram "todas as condições" para fazerem um percurso escolar de qualidade. Na cidade, "todos os professores das AEC estão colocados", prontos para dinamizar uma diversificada gama de atividades de enriquecimento curricular nas escolas públicas do 1.º ciclo do ensino básico e nos jardins de infância, indicou Rui Moreira.


O primeiro dia de escola na EB Paulo da Gama contou com a visita do presidente da Câmara do Porto, acompanhado pelo vereador da Educação, Fernando Paulo. Juntos percorreram os diversos espaços da escola, acompanhados pelo diretor do Agrupamento de Escolas Garcia de Orta, Rui Silva, e pela coordenadora da escola, Ana Isabel Pinheiro, e entregaram mochilas com material escolar (estojo e lancheira; e ainda crachá personalizado e um impermeável para a chuva) a duas turmas de alunos do 1.º ano.

"Este é um dia muito importante para pais e crianças, muitas delas começam pela primeira vez o seu percurso escolar". Orgulhando-se de ter uma rede de escolas municipais "de grande qualidade", assinalou que, diariamente, são servidos cerca de 6.500 almoços.

Quando "as crianças são o que há de mais importante na nossa cidade, porque são o nosso futuro", os meios humanos responsáveis pela sua formação são de sobremaneira importantes. "Temos todos os professores colocados para as AEC, temos auxiliares, temos todas as condições para que as coisas comecem normalmente, que é aquilo que os pais esperam e que os professores também esperam", sintetizou o autarca no final da visita aos jornalistas.

Oferta das Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC)

Para o 1.º ciclo, o programa municipal Porto de Atividades promove Ensino da Animação Musical, Teatro, Dança, TIC (Tecnologias da Comunicação e Informação), Inglês, Educação para a Cidadania, Apoio ao Estudo, Musicoterapia e Cinoterapia.

Cabe a cada um dos Agrupamentos de Escolas optar pelas atividades (num total de 5 horas semanais por turma), tendo em conta o respeito pelos tempos atribuídos e o total de carga horária distribuída pelos anos de escolaridade.

Por seu turno, no compromisso com a educação inclusiva, foi criada para os alunos das unidades especializadas uma oferta adaptada que inclui a Música Adaptada (Musicoterapia), Atividade Física e Desportiva Adaptada, Hidroterapia ou Cinoterapia, sendo esta oferta desenvolvida de acordo com a opção individual de cada Agrupamento de Escola.


Noutro prisma, surge o Porto de Crianças, programa de coadjuvação curricular destinado tanto às crianças do pré-escolar como aos alunos do 1.º ciclo do ensino básico, que tem vindo a reforçar as áreas curriculares de educação artística, científica e para a cidadania. A todos os alunos dos 1.º e 2.º anos de escolaridade é proporcionada a atividade de Ioga e a Filosofia para Crianças a todos os alunos dos 3.º e 4.º anos.

Já na educação pré-escolar, para dar resposta ao conceito de Escola a Tempo Inteiro, sem encargos financeiros para as famílias, manter-se-á a medida de gratuitidade de frequência das Atividades de Animação e de Apoio à Família, após o término da componente letiva e até às 17,30 horas, incluindo o fornecimento do lanche escolar.

Apostando na diversidade de atividades, são promovidas atividades de Expressão Físico-Motora, a desenvolver uma vez por semana, durante todo o ano letivo.
Mantêm-se as atividades Crescer com a Música, projeto de expressão musical, a desenvolver durante todo o ano letivo, e O Judo Transforma, projeto inovador que assenta no respeito pelos princípios do judo como desporto de carácter formativo, que abrangerá todos os jardins de infância, durante um trimestre.

Ação Social Escolar

Neste âmbito, à previsão do fornecimento de 6.500 refeições/dia aos alunos do 1.º ciclo e dos jardins de infância (com refeição gratuita assegurada aos alunos do escalão A), associa-se o serviço de lanche e o regime da fruta escolar gratuitos para todos os alunos.

Além disso, renova-se o compromisso do Escola Solidária, com as cantinas escolares a funcionar também nas pausas letivas, nomeadamente do Natal, da Páscoa e das férias do verão.

Aos cerca de 1.380 alunos do 1.º ano, é entregue o kit de boas-vindas composto pela mochila e por material escolar, sendo que o impermeável para a chuva que o kit contém será também entregue a todos os alunos das escolas da rede pública do Município.

No auxílio económico às famílias, a Câmara do Porto atribui, anualmente, aos alunos do Escalão A um apoio de 40 euros para a aquisição de material escolar e visitas de estudo, e aos alunos do escalão B um apoio de 28,50 euros.

Ano letivo na cidade do Porto em números

Dos cerca de 8.000 alunos que vão frequentar as escolas da rede pública do Município do Porto, a grande maioria - 6.113 crianças - são do 1.º ciclo, ao passo que 1.805 estão inscritas ao nível da educação pré-escolar.

Na educação pré-escolar vão funcionar 83 turmas curriculares, distribuídas pelos 43 estabelecimentos de ensino com a oferta da valência de jardim de infância, destinada a crianças a partir dos 3 anos e até à integração no 1.º ciclo. Já neste nível de ensino, contabilizam-se 289 turmas curriculares, nos 48 estabelecimentos de ensino distribuídos por 15 Agrupamentos de Escola e pelo Conservatório de Música do Porto.

Todas as escolas e jardins de infância da rede pública municipal possuem biblioteca escolar.