Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Doadores do corpo à ciência e ao ensino são homenageados amanhã
22-11-2018
A Câmara do Porto e a Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) promovem nesta sexta-feira uma homenagem a quem doa o seu corpo à investigação científica e ao ensino, nomeadamente na área das ciências da saúde. 

A sessão realiza-se a partir das 15,30 horas no Serenarium do Cemitério de Agramonte, que é o local onde repousam as cinzas dos doadores quando terminado o processo de investigação.

Além de homenagear esses doadores, a sessão - que incluiu dois momentos musicais assegurados pelo Grupo de Fados de Medicina do Porto e por Diogo Bento, estudante do primeiro ano do Mestrado Integrado em Medicina - visa também "prestar homenagem aos doadores que estão vivos e às suas famílias, que são uma peça fundamental de todo este processo", como explica Dulce Madeira, coordenadora da Unidade de Anatomia da FMUP.

Aquela entidade recebeu na última década uma média anual de 12 a 15 cadáveres para estudo e investigação, que têm contribuído para manter ativo o Programa de Doação Cadavérica do Departamento de Biomedicina da FMUP, criado em 1980.

Em 2016, a Câmara do Porto celebrou protocolos com a FMUP e o Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS), tendo por objetivo dar um destino final aos corpos doados a essas instituições para apoio à investigação científica, os quais passaram a ser cremados no Prado do Repouso e inumados em Agramonte.