Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Diário Económico lança 'especial' sobre o Porto (que) está na moda
24-02-2015

A edição de hoje do Diário Económico traz um caderno dedicado à cidade do Porto. Com o título "O Porto está na moda", a publicação destaca o crescimento que se viveu na Invicta em vários setores de atividade, com predominância do turismo.


"Em apenas cinco anos, o Porto recebeu mais 63% de turistas, tendo passado de 1,4 milhões em 2009 para 2,2 milhões em 2014", pode ler-se na capa. O jornal contatou vários especialistas que apontaram alguns vetores que contribuíram para esse crescimento, como o Aeroporto Francisco Sá Carneiro e as viagens de avião "low cost". Os prémios alcançados pela cidade são também alavanca de promoção. Só no ano passado, o Porto recebeu o prémio European's Best Destination, tendo ficado à frente de importantes cidades mundiais.


A boa relação entre qualidade e preço é também apontada como um dos fatores mais positivos da cidade, com vários hostéis e hotéis em, destaque e tendo como referência o Trivago Best Valueu City Index de 2015, em que o Porto surge como o único representante português numa tabela que revela a lista dos 100 melhores destinos em termos de qualidade-preço.


A reabilitação urbana é outro dos pontos que mais tem contribuído para a afirmação do Porto, enquanto destino turístico e também de investimento, sendo 2014 o seu melhor ano até agora.  


O novo "palpitar" da Invicta, com muita gente nas ruas, festas e festivais é também motivo de análise, ilustrado pela foto do presidente da autarquia portuense, Rui Moreira e com declarações do vereador da cultura, Paulo Cunha e Silva, a explicar a estratégia cultural para a cidade seguida pelo Executivo. O S. João e o festival Nos Primavera Sound, que já vai na sua quarta edição, são apontados como grandes cartazes turísticos da cidade.


Uma Baixa cada vez mais cosmopolita, com marcas de luxo a quererem instalar-se no coração da cidade são sinais claros do apogeu instalado. O comércio "vintage" e "gourmet" têm pintado o Porto de cor e restaurantes de luxo vão surgindo ou se afirmando pela qualidade e distinção alcançadas. "O cinzento das pedras animou-se pela vontade das suas gentes em empreender novos projetos, em sair para a rua e em receber os turistas", escreve a publicação.


As viagens no Douro e o turismo fluvial são também mencionados, adquirindo uma dupla função "ganham como facto do Porto estar na moda além-fronteiras mas, por outro lado, são uma parte importante para manterem essa moda".


O jornal fala ainda sobre "O que não deve perder no Porto? e arredores", apresentando um roteiro pela cidade.


Leia o suplemento especial do DE aqui.