Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.
Destaques:
Dez mil árvores para tornar o Porto num grande jardim
18-02-2016

"Se tem um jardim, temos uma árvore para si": a ideia passa tão-somente por, nos próximos cinco anos, mais de dez mil novas árvores e arbustos nativos estarem instaladas nos jardins, quintais e terrenos privados da cidade, convivendo com as árvores notáveis e antigas que já existem.


As árvores e arbustos nativos a ser oferecidos aos munícipes do Porto estão a ser produzidas no Viveiro Municipal, no âmbito do FUTURO - projeto das 100.000 árvores na Área Metropolitana do Porto. Em 2016, a meta é produzir 40.000 plantas autóctones e a sementeira desta nova geração de plantas para a cidade está já em curso.


"Vamos colocar gratuitamente à disposição de cada privado com jardim até dez exemplares de árvores ou arbustos autóctones, à escolha. O nosso objetivo é que, nos próximos cinco anos, haja uma distribuição de 10 mil árvores. Estamos convencidos de que vamos ter exemplares para satisfazer toda a gente", sublinhou o vereador do Ambiente, Filipe Araújo, durante a apresentação do projeto "Se tem um jardim, temos uma árvore para si". Revelou também que a Câmara pretende criar "roteiros de árvores no Porto", a ser feitos através de "cinco visitas temáticas".




As candidaturas para receber árvores estão abertas até 20 de março. Estão disponíveis 11 espécies, entre as quais o medronheiro, o sobreiro, o lódão, o pilriteiro, o teixo e o cipreste.


Para participar nesta iniciativa, munícipes, associações de condomínio ou empresas sediadas no Porto, que tenham jardim, quintal ou terreno próprio, terão de candidatar-se, através do site da iniciativa (http://www.100milarvores.pt), escolhendo as espécies que melhor combinam com o seu espaço e preferência. Depois deverão levantar as suas árvores num dos vários eventos que serão realizados para o efeito, tendo ainda oportunidade de participar numa pequena formação que os ajude a plantar e a cuidar das suas novas árvores.


"Se tem um jardim, temos uma árvore para si" é desenvolvida no âmbito do FUTURO - projeto das 100.000 árvores na Área Metropolitana do Porto, um projeto no qual o Porto tem estado profundamente envolvido, e integra um pacote de medidas em curso para melhorar a infraestrutura verde da cidade no âmbito das Estratégias Municipais para o Ambiente e de Mitigação e Adaptação às Alterações Climáticas. São parceiros o CRE.Porto, o Programa Floresta Comum e o Metro do Porto.