Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

"Porto, cidade em transição" em debate na Fundação António Cupertino Miranda
27-02-2015

Durante o dia de hoje, a Fundação António Cupertino de Miranda acolhe o seminário internacional "Porto, Cidade em Transição", uma iniciativa que pretende chamar a atenção para o início do fim dos combustíveis fósseis baratos e o impacto humano nas alterações climáticas planetárias, naquilo que é denominado por Movimento de Transição ("Transition Network").


O Movimento de Transição liga iniciativas locais em todo o mundo, muito diversas, partilhando entre si as aprendizagens de todos aspetos do trabalho comunitário, enquanto resposta comunitária e da sociedade civil ao reconhecimento da urgência de ação para as mudanças climáticas.


"A ideia é capacitar as pessoas para que elas sejam cada vez menos vulneráveis a crises exteriores e que lhes são alheias, no sentido de conseguirem ser cada vez mais independentes ", explicou ao porto.pt Maria Amélia Cupertino Miranda, presidente da fundação.


Na sessão de boas-vindas, o presidente da Câmara do Porto falou sobre o papel da autarquia enquanto parceira deste projeto. Rui Moreira lembrou o trabalho desenvolvido pelo pelouro da Educação "através da divulgação na rede de escolas da cidade", porque é a partir das escolas do ensino básico que se pode com mais facilidade "criar um espírito diferente na abordagem à sociedade e à forma de pensar". E também do pelouro da Cultura, uma vez que a cultura se configura neste projeto "de forma estrutural, enquanto fator decisivo na valorização do património e na alavancagem da inovação e promoção deste novo conceito que é uma cidade em transição".


O Secretário de Estado da Cultura, Jorge Barreto Xavier, sublinhou a forma através da qual a cidade Invicta tem contribuído ao longo da História para "os desafios da mudança na sociedade portuguesa", referindo que "não há hoje respostas fáceis nestas matérias e por isso nesta dúvida de caminho, este tipo de propostas fazem todo o sentido".


O seminário oferece aos seus participantes uma introdução ao Movimento de Transição a nível local, nacional e internacional, durante o qual todas as pessoas presentes podem imaginar um projeto de um ano e escolher algumas oficinas com elementos que as ajudarão a concretizá-lo.


+ Info: transicaoportugal.net