Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Cumplicidade DDD+FITEI garante o regresso em 2020
06-06-2019

O DDD - Festival Dias da Dança e o FITEI - Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica dizem-se satisfeitos com a parceria lançada neste ano e garantem que vão repeti-la no próximo, revelando já algumas novidades para 2020.


O DDD - Festival Dias da Dança e o FITEI - Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica fazem um balanço positivo do resultado da "cumplicidade artística e parceria de comunicação" que os uniu pela primeira vez na edição deste ano.

Os dois festivais, que decorreram entre 24 de abril e 25 de maio, receberam mais de 23 000 espectadores, contaminando públicos das várias instituições das cidades do Porto, Matosinhos, Gaia e Viana do Castelo.

"A 4.ª edição do DDD e a 42.ª do FITEI resultaram numa importante afirmação de posicionamento dos festivais no contexto nacional e internacional das artes performativas, com um consequente e significante impacto junto dos públicos", aponta o balanço da organização, destacando a forte adesão dos públicos profissionais à "Semana +", pensada para a internacionalização da criação artística portuguesa, assim como a presença da comunidade brasileira em espetáculos e atividades que olharam com profundidade para o contexto atual do país-irmão, contribuindo para uma diversificação e formação de novos públicos.

Das 57 récitas do DDD IN - espetáculos em sala - 28 apresentaram lotação esgotada, incluindo as de grande auditório, com uma taxa de ocupação de 90%. O DDD OUT - espetáculos no espaço público - contou com nove apresentações que cativaram quase 2 000 pessoas e envolveram os passantes.

Por outro lado, desde o início que foi sublinhada a importância da formação dedicada a todos os públicos. O DDD EXTRA desenvolveu 25 atividades entre masterclasses, workshops e encontros, que aproveitaram a presença dos coreógrafos, incluindo o DDD PRO, com um caráter pedagógico dedicado a estudantes e profissionais das artes performativas. Seis festas aqueceram a pista do Meeting Point e do Pérola Negra.

Relativamente ao FITEI, das 46 récitas da seleção de espetáculos, evidenciam-se cinco estreias absolutas e 15 estreias nacionais, na maioria com lotação esgotada.

A novidade deste ano foi a secção das Residências Artísticas, com uma forte aposta nos processos de criação durante o festival que promete voltar para a próxima edição em 2020. Foram desenvolvidos seis workshops por artistas integrantes das equipas programadas e foi dada continuidade à parceria com as escolas de teatro do Porto: ESMAE, ESAP e balleteatro. Houve ainda espaço para outras atividades, incluídas no FITEI Aberto, entre festas, lançamentos de livros, debates e exposições.

Somando artistas e suas equipas, o DDD+FITEI acolheu mais de 650 pessoas. Ao mesmo tempo, a parceria de comunicação dos dois festivais produziu grande impacto junto dos média, que asseguraram uma cobertura e divulgação das programações e do trabalho de criadores e artistas.

A "Semana +" revelou-se "um sucesso", de acordo com a organização, que justifica com a presença registada de 98 programadores: 22 nacionais e os restantes 76 oriundos de Alemanha, Espanha, França, Holanda, Bélgica, Suíça Inglaterra, Irlanda, Lituânia, Estónia, Grécia, EUA, Canadá, Brasil, Chile, México, Israel, Moçambique, Cabo Verde, Argentina, China.

Pistas para 2020

A organização adianta que a edição DDD+FITEI de 2020 dará continuidade à "Semana +" e revela já alguns dos nomes do programa geral: o Dias da Dança apresenta "Quinta-feira?" de Cláudia Dias, em colaboração com Idoia Zabaleta, e uma coprodução internacional do aclamado coreógrafo italiano Alessandro Sciarroni, "Augusto".

Por sua vez, o FITEI antecipa que Patrícia Portela e Alexandre Dal Farra apresentarão o projeto "Entrevista 86", desenvolvido no contexto da residência deste ano, e o argentino Sergio Boris com "Artaud".