Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Crianças têm três dias de festa no Parque S. Roque
01-06-2018

O Dia Mundial da Criança assinala-se hoje, mas no Porto a animação dirigida aos mais pequenos está garantida até domingo. Instalada no Parque de São Roque, a Festa da Criança convida a explorar este pulmão verde localizado na zona oriental da cidade através de dezenas de atividades lúdicas e desportivas, espetáculos, workshops e ateliers, exposições, e até um mercado. De participação gratuita, este é um bom programa para desfrutar em família até ao próximo dia 3 de junho.


O presidente da Câmara do Porto esteve esta manhã no Parque de São Roque e deixou-se envolver pela energia contagiante de milhares de crianças das escolas do primeiro ciclo do ensino básico e dos jardins de infância da cidade que se deslocaram a este espaço verde para experimentarem, em primeira mão, as inúmeras atividades do programa da Festa da Criança, que se realiza nos dias 1, 2 e 3 de junho.


Mas se hoje o dia foi especialmente dedicado às escolas (embora, de igual modo, aberto a todos quantos queiram dirigir-se ao local com as suas crianças), até domingo a Festa mantém-se, aguardando a visita de milhares de famílias.


A (re)descoberta do Parque de São Roque é mesmo uma das sugestões da edição deste ano. Em três percursos, que hoje Rui Moreira calcorreou, propõe-se às crianças que abracem 16 árvores centenárias, que explorem este espaço municipal de mapa na mão ou que conheçam as suas camélias. Nesta infraestrutura verde, conte-se ainda com um labirinto que promete não deixar sair facilmente os visitantes. Aliás, o autarca, acompanhado pelos vereadores Catarina Araújo, responsável pelo Pelouro da Juventude e Desporto, e por Fernando Paulo, responsável pelo Pelouro da Educação, atestou essa dificuldade no próprio terreno.


Noutra vertente, o programa propõe inúmeras atividades lúdicas e desportivas, propostas habitualmente populares entre as crianças. Espera-as uma pista de BTT e outra de prevenção rodoviária, caiaques para passear no lago, vários jogos tradicionais, um trampolim, balizas para marcar penaltis e aulas de dança, karaté e capoeira.


Na Festa da Criança o verbo "experimentar" é prioritário. Há um conjunto de oficinas, workshops e ateliers que colocam os participantes a jardinar, a tocar percussão, a criar brinquedos ou abrigos para animais, a pintar, a brincar com a ciência, a meditar e até a preparar uma pizza. Numa das zonas do parque há, aliás, um mural onde miúdos e graúdos poderão dar largas à sua imaginação, escrevendo e desenhando. Esta manhã, Rui Moreira e Vítor Baía, antigo jogador do Futebol Clube do Porto e presidente da Fundação Vítor Baía, também ali deixaram o seu registo, envolvidos por dezenas de crianças que, animados pela sua presença, não se coibiram a pedir autógrafos.


O programa inclui ainda exposições, além de uma ampla oferta de espetáculos e demonstrações, com música, magia e muita dança. Haverá também um mercado feito por e para crianças, e uma extensão do Dias com Energia, programa com aulas de pilates, ioga e tai chi.  


A Festa da Criança é realizada todos os anos pela Câmara do Porto e a empresa municipal PortoLazer, enquadrada nas comemorações do Dia Mundial da Criança (1 de Junho).