Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Cidade+ está a tornar-se na plataforma cívica para a sustentabilidade ambiental
06-07-2017

Começou hoje, nos jardins do Palácio de Cristal, a quarta edição do Cidade+, que até domingo celebra o ambiente, a sustentabilidade e a eficiência em contexto urbano.


Organizada pela daRaiz, em parceria com a Câmara do Porto, é já considerado um dos maiores eventos sobre sustentabilidade ambiental em Portugal, com o público a ser convidado a participar em diversas atividades gratuitas, como conferências, uma praça empresarial, um "mercadeco" dedicado à apresentação de produtos, ideias ou projetos sustentáveis, oficinas, conversas, aulas abertas, espetáculos e exposições.


Na cerimónia de abertura desta edição, o vereador da Inovação e do Ambiente da Câmara do Porto, Filipe Araújo, referiu a evolução que a iniciativa tem tido desde a sua criação, em 2014, com "um número crescente de parceiros que consegue agregar agendas, projetos e vontades institucionais em torno de um denominador comum", que é "contribuir para a sustentabilidade das gerações futuras".


Filipe Araújo foi mais longe e falou na ambição de que o Cidade+ se torne numa grande plataforma cívica "capaz de reunir os principais atores do território e sociedade (municípios, universidades, empresas e a sociedade civil) para partilhar e debater de forma integrada e ampla os temas da Sustentabilidade, do Ambiente e da Cidadania".


A sessão de abertura, onde também estiveram presentes Fernando Leite, administrador-delegado da Lipor (entidade responsável pela gestão, valorização e tratamento dos resíduos urbanos produzidos pelos municípios associados), e Sara Silva, da organização do CIDADE+, foi iniciada com uma performance da responsabilidade do Balleteatro. Seguiu-se a apresentação pública da escultura do artista plástico Bordalo II, intitulada "Carvalho", comissionada pela Lipor e que foi desenhada especialmente para o evento. No final, ainda houve lugar a uma peça de teatro "Compostagem Lá em Casa", também da responsabilidade da Lipor, que será recriada ao longo dos próximos dias do evento.


"Procurámos reforçar o papel do Cidade+ como catalisador de cocriações entre a Música e a Dança, a Escultura e o Teatro", salientou o vereador.


De referir que a iniciativa acolhe no fim de semana o Encontro Nacional de Veículos Elétricos, que vai reunir várias centenas de carros das principais marcas nacionais e internacionais de mobilidade elétrica, um dos momentos altos da programação.