Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Cidade do Porto tem mais um museu na rede nacional
28-03-2019
O Museu do Centro Hospitalar do Porto é a mais recente entrada de um equipamento da cidade na Rede Portuguesa de Museus (RPM), de que constam 156 unidades de todo o país a partir da próxima semana.

A integração na RPM deste museu portuense, localizado no edifício do Hospital Geral de Santo António, é tão mais importante quanto a ministra da Cultura, Graça Fonseca, anunciou nesta semana que o Governo vai relançar a rede e reativar o programa de financiamento ProMuseus, que tinha sido interrompido.

Formalizando a sua entrada na RPM na próxima quinta-feira, 4 de abril, o Museu do Centro Hospitalar do Porto vai assim aumentar a lista de museus do Porto naquela rede, da qual constam já os vários polos do Museu da Cidade (nomeadamente a Casa-Museu Guerra Junqueiro, a Casa-Museu Marta Ortigão Sampaio, o Museu Romântico e o Museu do Vinho do Porto), bem como o Museu do Papel-Moeda, Museu de Arte Contemporânea da Fundação de Serralves, Museu do Carro Eléctrico, Museu Nacional Soares dos Reis, Museu dos Transportes e Comunicações, Museu Militar do Porto e  Museu Nacional da Imprensa. 

De adesão voluntária, a Rede Portuguesa de Museus é um sistema organizado de museus configurado de forma progressiva, que visa a descentralização, a mediação, a qualificação e a cooperação entre museus. Símbolo de qualidade, de profissionalismo e de rigor na prática museológica, promove a valorização de cada museu que a integra e, simultaneamente, sustenta a sua força estratégica no conjunto dos museus que a constituem.