Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Catálogo da Exposição Histórica do Porto é objeto de conversa no Dia Internacional dos Museus
17-05-2019
O Catálogo da Exposição Histórica do Porto, de 1934, dá o mote para a sessão do ciclo Um Objeto e seus Discursos por Semana que, neste sábado, Dia Internacional dos Museus, vai ao novo Museu do Vinho do Porto.

Organizada por Pedro Vitorino e Artur de Magalhães Basto, a Exposição Histórica do Porto teve lugar em junho de 1934, por iniciativa do então presidente da Câmara, Alfredo Magalhães.

Pela primeira vez a cidade mostrava-se em função da arte aqui produzida, numa ótica de revelação e anúncio de uma certa forma de criar visibilidade para o trabalho dos artistas (talvez mesmo uma operação precursora do programa "Anuário" que se encontra patente neste momento na Galeria Municipal do Porto).

Inspirado por uma das 62 imagens que integram o catálogo então publicado, o arquiteto e cenógrafo José Capela recriou, num dos pisos das novas instalações do Museu do Vinho do Porto, na Ribeira, um ambiente que remete explicitamente para essa exposição.

Assim, pelas 18 horas deste sábado, 18 de maio e Dia Internacional dos Museus, o Catálogo da Exposição Histórica do Porto dá o mote para uma conversa em torno do novo programa museológico do mais recente museu municipal, tendo como intervenientes o próprio José Capela, Professor e cofundador da mala voadora, e o colecionador, advogado e gestor Álvaro Sequeira Pinto. A moderação está a cargo da gestora de património cultural Liliana Pereira, coordenadora do Museu do Vinho do Porto.

Nota: a sessão está esgotada devido à limitação do espaço. Antecipe a sua presença nas sessões seguintes do ciclo municipal Um Objeto e seus Discursos por Semana. Saiba como, AQUI.