Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Animação de rua deu brilho extra à zona da Baixa
27-08-2018

A primeira edição do Porto Busker Fest terminou este domingo. Durante os quatro fins de semana do mês de agosto levou a 15 palcos improvisados da Baixa do Porto estátuas-vivas, palhaços, números de acrobacias e variadas sessões de comédia, em 60 espetáculos, cativando milhares de transeuntes. Pelo sucesso e alcance da iniciativa despede-se com um "até para o ano".


Cerca de 25 buskers (nome que designa os artistas de rua), provenientes de vários países, entre os quais Portugal, Argentina, Brasil, Polónia, Porto Rico e Peru, abrilhantaram o primeiro festival no Porto dedicado às artes performativas em ambiente urbano.


Integrado no programa Verão é no Porto, o evento desdobrou-se durante os sábados e domingos de agosto, através da dinamização da atividade busking, explorando as suas múltiplas vertentes e revelando o trabalho excecional de dezenas de artistas, que desenvolveram as suas performances sempre em clima de grande interatividade com o público.

No último fim de semana de apresentações, os artistas de rua surpreenderam quem passava na Praça de Gomes Teixeira (mais conhecida como a "Praça dos Leões"), na Rua de Cândido dos Reis, na Rua de Ceuta e no Campo dos Mártires da Pátria (na traseira da Reitoria da Universidade do Porto).

Afinal, o espírito que subjaz a esta iniciativa convive muito bem com o fator-surpresa e com públicos inusitados que, por mero acaso, "esbarram" com espetáculos cheios de ritmo e humor na via pública.