Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Anilhagem de aves no Covelo
06-04-2016

No âmbito das comemorações do Dia Internacional das Aves, celebrado a 1 de abril, a Câmara do Porto promoveu, ontem, no Centro de Educação Ambiental da Quinta do Covelo a primeira sessão de anilhagem de aves neste espaço, com a colaboração de David Santos e António Cunha Pereira da Associação Portuguesa de Anilhadores de Aves.


A anilhagem científica é um método de investigação que se baseia na marcação individual das aves, através de um pequeno anel colocado na pata de uma. Cada anilha possui um código único, ao qual estão associados os dados biométricos da ave e informação sobre o local e data em que foi anilhada. Quando uma ave anilhada é recapturada é possível acrescentar informação e conhecer os dados que já estavam registados através do código da anilha. Estas informações permitem conhecer melhor a vida dessa ave, nomeadamente os seus movimentos.


Nesta sessão foi capturado, anilhado e libertado um gaio (Garrulus glandarius), uma espécie de ave da família dos corvos, comum nos vários espaços verdes da cidade do Porto. Os participantes (com idades que iam desde o pré-escolar ao 12º ano), tiveram ainda a oportunidade de ouvir as explicações dos membros da Associação Portuguesa de Anilhadores de Aves sobre os vários tipos de aves (autóctones, exóticas, selvagens, domésticas), a sua importância nos ecossistemas e as principais ameaças à sua conservação.


A biodiversidade é um tema presente em várias oficinas do programa permanente dinamizado diariamente da rede de centros de educação ambiental do Município, nomeadamente, as aves através da oficina "Ovos, bicos e penas".  


Participaram nesta atividade cerca de 120 alunos dos colégios "D. Duarte e "O Aprendiz", do Jardim de Infância "O Popas", Jardim de Infância "O Sol" e da Escola Básica de Costa Cabral.