Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

À redescoberta da Casa-Museu Guerra Junqueiro
11-04-2017

É a primeira intervenção concluída no âmbito da candidatura submetida pela Câmara do Porto ao programa Norte 2020 e que compreende a requalificação de outras estruturas da cidade integradas na Rede Portuguesa de Museus: reaberta ao público em março, a Casa-Museu Guerra Junqueiro é hoje um equipamento requalificado, com espaços e serviços modernizados. As obras, um investimento de 234 mil euros, abrangeram a zona técnica e de exposição, instalações sanitárias, acessibilidades, cafetaria, entrada e loja. O equipamento cultural da cidade foi, pois, alvo de várias melhorias que proporcionam um novo bem-estar aos visitantes, como pode ser comprovado por quem visitar, por estes dias, a exposição "Raul Brandão: 150 anos - pintura e ilustração".


 


O Museu dispõe agora de novas condições para uma renovada dinamização cultural, com um Serviço Educativo que usufrui de instalações autónomas, acessos adaptados a pessoas com mobilidade condicionada, maior capacitação tecnológica nos serviços e disponibilização de material informativo em quatro idiomas.

 

Com a reformulação da loja e entrada, o percurso no interior do edifício passou a ser feito num único sentido, auxiliado por nova sinalética, de forma a facilitar a orientação de quem o visita.

 

Ao abrigo da candidatura submetida pela Câmara a este programa, estão ainda em curso obras de reabilitação do Museu Romântico e da Casa-Museu Marta Ortigão Sampaio. A intervenção - no valor global de 1,35 milhões de euros, comparticipados em 85% pelo Norte 2020 - contempla ainda a criação de um Centro de Interpretação dos Caminhos do Romântico, com recuperação de três dos seus percursos turísticos.