Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Orquestra XXI celebra aniversário com a Sinfonia Concertante de Mozart
04-09-2018
A formação criada há cinco anos assinala a efeméride com uma digressão que começa nesta quinta-feira, dia 6, na Casa da Música, onde se ouvirão Mozart, Ligeti e Beethoven. 

A Orquestra XXI está a celebrar o seu 5.º aniversário e regressa aos palcos portugueses com quatro distintos solistas que têm integrado o projeto desde o início. A flautista Adriana Ferreira, o oboísta Samuel Bastos, o trompista Ricardo Silva e o fagotista Virgílio Oliveira juntam-se para interpretar a Sinfonia Concertante de Mozart (Sinfonia Concertante para 4 sopros, K.297b), sob a direção do maestro Dinis Sousa.

Marcada para as 21 horas na Sala Suggia, esta rara apresentação permitirá escutar uma peça rodeada de mistério, que acabou por desaparecer, tendo sido reconstruída por Robert Levin depois de anos de investigação.

O concerto começa, porém, com "Ramifications", uma obra emblemática de György Ligeti, terminando com a 7.ª Sinfonia de Ludwig van Beethoven.

Estabelecida em 2013, a Orquestra XXI reúne perto de uma centena de jovens músicos portugueses residentes no estrangeiro, com o duplo objetivo de manter uma forte ligação entre eles e o seu país de origem e de levar momentos musicais de excelência a um público o mais diversificado possível. Desde a sua estreia, a orquestra tem-se apresentado regularmente nos mais prestigiados palcos nacionais, mas também em locais improváveis, conquistando o público português e a crítica especializada.

Característica da Orquestra XXI é a pluralidade de experiências dos seus elementos, espalhados por cidades como Londres, Paris, Berlim, Zurique, Perm, Madrid e Amesterdão, alguns desenvolvendo a sua atividade profissional em instituições como a Orquestra Sinfónica de Londres, Orquestra Nacional de França e Ópera de Zurique ou estudando em escolas como a Hoschule für Musik Hanns Eisler ou a Royal Academy of Music.